Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Leituras de Verão 2011 (Ficção 1)

Com a chegada das férias o "Aterrem em Portugal" deixa um apontamento sobre alguns livros que nos chegaram ou foram lançados nos últimos meses e que têm a época da II Guerra Mundial e Portugal como palcos.

Começamos com duas obras de ficção. Editados já este ano, são em português e têm como pano de fundo a Lisboa dos refugiados. Um é de um autor português, conhecido das lides televisivas, e o outro de um autor argentino que conhece Portugal muito bem.

Pelo facto de não ter tido oportunidade de ler qualquer das obras ficam as sinopses oficiais...


POR TI, RESISTIREI de Júlio Magalhães


Edição "A Esfera dos Livros" (ISBN: 9789896263256)

Sinopse Oficial:

Carlos e Nicole conheceram-se nas ruas de Paris. As tropas alemãs avançavam em passo forte e determinado, mas todos acreditavam que a capital francesa estava a salvo da loucura de Adolf Hitler. Enganavam-se. Em poucas semanas, as tropas nazis estavam às portas de Paris e milhares de refugiados procuravam salvação. Nicole encontrou-a em Bordéus pelas mãos do embaixador Aristides de Sousa Mendes que lhe entregou um visto para chegar até Portugal, onde finalmente cairia nos braços do seu amado. Longe da guerra, longe do perigo, longe do estigma de ser judia, seria finalmente feliz. Mas há preconceitos que são difíceis de quebrar e mais uma vez os dois amantes são obrigados a seguir caminhos diferentes. Carlos fica em Lisboa, entre os negócios do pai, um homem influente na sociedade salazarista e a doença da mãe. Nicole parte para Londres, uma cidade que vive dias dramáticos sob a ameaça de ser bombardeada pela aviação alemã. Participa no esforço de guerra da melhor forma que sabe, vestindo a farda de enfermeira, pondo em risco a sua vida para ajudar os outros. Na esperança de conseguir esquecer Carlos. Contudo no meio dos escombros da Segunda Guerra Mundial há um amor capaz de resistir a tudo.



LISBOA, UM MELODRAMA de Leopoldo Brizuela


Edição da Dom Quixote (ISBN: 9789722043977)

Sinopse Oficial:

17 de Novembro de 1942. Lisboa. Portugal. Numa única e interminável noite, enquanto refugiados de toda a Europa esperam a partida do navio Boa Esperança para se porem a salvo dos nazis, a gesta do Cônsul argentino é o crivo em que se entrecruzam, como num folhetim, as «histórias mais secretas» de um período sem par na História. Pode uma longa e intensa noite marcar e mudar irreversivelmente a história de um conflito? Podem a fadista Amália, o casal Tânia e Enrique Santos Discépolo, o Cônsul argentino, o misterioso Ricardo De Sanctis que assegura ser banqueiro e «refugiado pessoal» do Patriarca de Lisboa, ser personagens principais do momento em que tudo parece mudar? Encrespado de sentimentos, emoções e paixões, excessivo como todos os melodramas, prodigioso na criação de ambientes e intensamente atractivo nas confissões que as personagens vão Trocando, Lisboa. Um Melodrama tem a precisão arquitectónica de uma ambiciosa peça teatral e musical, de cujo imenso coro emergem os solistas para fazer ouvir os seus desejos e padecimentos. Uma verdadeira ficção que parte de personagens reais e vibra com a cadência sentimental e melancólica do fado e do tango.


Informação sobre outros livros AQUI

Sem comentários:

Publicar um comentário